Prefeita renuncia após apoiar comentário racista sobre Michelle Obama

A prefeita da cidade de Clay no estado da Virgínia, Beverly Whaling, renunciou ao cargo após apoiar um comentário racista em uma rede social contra a primeira-dama dos Estados Unidos Michelle Obama. 
Após a confirmação da vitória de Donald Trump nas eleições presidenciais, Pamela Ramsey Taylor, que faz parte do comitê de desenvolvimento da cidade, escreveu um post em seu perfil de Facebook felicitando a chegada de uma nova primeira-dama na Casa Branca, Melania Trump. "Estou cansada de ver uma macaca de salto", afirmou. "Fez o meu dia, Pam", comentou a prefeita Beverly na postagem.
A cidade de Clay tem uma população de 491 pessoas e, de acordo com o Censo de 2010, não há afro-americanos. Na região do Condado de Clay, como um todo, mais de 98% de seus habitantes são brancos. Apesar da população da região ser pequena, a polêmica publicação no Facebook se espalhou pelos Estados Unidos e pela imprensa internacional.
Em entrevista, Taylor disse que suas palavras poderiam ser "interpretadas como racistas, mas, de maneira nenhuma, tinham intenção de ser (racistas)".
Já a prefeita de Clay, Beverly entregou uma declaração a um jornal local se desculpando e falando que o comentário não tinha intenção nenhuma de ser racista. "Eu estava me referindo (ao fato) de ter ganho meu dia devido à mudança na Casa Branca! Sinto muitíssimo por qualquer ressentimento que isto possa ter causado! Quem me conhece sabe que não sou racista de jeito nenhum!", escreveu.
A presidente do Partido Democrata em Virgínia Ocidental, Belinda Biafore, divulgou um pedido de desculpas a Michelle Obama "em nome dos meus companheiros, alpinistas", em uma referência ao apelido dos moradores do Estado. "A Virgínia Ocidental realmente é melhor do que isso. Nós do Partido Democrata da Virgínia Ocidental vamos continuar lutando exatamente contra estes ideais radicais, odiosos e racistas", escreveu Biafore na declaração. (AFP/CP/Foto: AFP

Share on Google Plus

About Valéria Reis

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário