Eike Batista patrocinou UPPs e teme morrer na prisão

O empresário Eike Batista preso nesta segunda-feira (30) no Rio, tem medo de ser morto na cadeia. Isso porque o milionário doou R$ 20 milhões para o projeto das Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs).
As informações são da coluna Radar On-Line, do site da revista Veja.
Por meio das UPPs, a polícia passou a controlar regiões dominadas por traficantes. Sem curso superior, o empresário deve ser preso em cela comum. Foto: Ueslei Marcelino/Reuters /Veja
Share on Google Plus

About Valéria Reis

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário