Marchezan promete mudanças no transporte público de Porto Alegre

O prefeito Nelson Marchezan Júnior (PSDB) prepara surpresas para a atuação da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) nesta semana. Na última quinta-feira, ele reuniu funcionários da empresa e prometeu mudanças. Depois, postou no seu Facebook que havia encontrado os funcionários “dispostos a mudar a imagem da EPTC perante a população”. Clima está tenso na empresa e rumores sobre alterações profundas são grandes.
Oposição cobra explicações sobre passagens
A vereadora Fernanda Melchiona (PSol) vai solicitar esta semana que a Comissão de Urbanização, Transportes e Habitação (Cuthab) da Câmara de Porto Alegre peça explicações a Marchezan sobre informações de que irá acabar com a segunda passagem gratuita na cidade. “A população não pode ser penalizada’, afirma ela. 
Na semana passada, Marchezan, ao anunciar as condições financeiras de Porto Alegre, afirmou que só poderá garantir salários em dia até fevereiro. De acordo com ele, dentro dos 100 dias de governo, a gestão irá enviar à Câmara de Vereadores projetos que dependem da aprovação do Legislativo. Atualmente, Porto Alegre tem uma dívida de R$ 507 milhões, deixada pela administração anterior e que pode ultrapassar R$ 1 bilhão se for somada às dívidas contratadas para 2017 e sem receita prevista, que somam R$ 815 milhões. (Correio do Povo) Foto:  Eduardo Beleske / PMPA / CP
 
 
Share on Google Plus

About Valéria Reis

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário