Rotina de Cabral em Bangu 8 tem livros e regalia na comida

Preso desde o dia 17 de novembro de 2016, o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, estaria se beneficiando de regalias em Bangu 8. De acordo com um agente penitenciário, ouvido por uma reportagem do jornal O Dia, os gastos do peemedebista no cárcere estão acima do que é permitido.
“Ele não costuma jantar, sempre compra algo da cantina ou come frutas. No início, chegou a elogiar a comida. Pediu até para ir conhecer o cozinheiro, o que foi autorizado”, contou o agente ao jornal, ressaltado que há uma exceção no cardápio do detento Cabral.
“Mesmo assim, ele pede para o cantineiro comprar a de frango com vegetais. E gasta mais que o permitido”, relatou.
Além disso, a reportagem apontou que a cela de Cabral é a única da unidade prisional que fica aberta na parte da noite. “Os presos ficam no pavilhão interno, com exceção da hora do banho de sol no pátio. Mas a cela dele fica aberta na parte noturna”, disse um inspetor.
A cela fica aberta durante o período por ser a menor de Bangu 8. “É uma das piores celas de Bangu 8. Os beliches se tocam nas pontas. Mas foi estratégia, pois quando está muito calor à noite, ela é aberta e o Cabral vai para a biblioteca”, revelou uma familiar de um detento que faz companhia a Cabral no mesmo presídio.
Um outro inspetor contou que Cabral passa a noite inteira lendo na biblioteca e que já até chegou a dormir no local. O ex-governador fica isolado e só fala com o diretor da unidade.
A Secretaria Estadual de Administração Pública negou os relatos dos agentes, enquanto a promotora responsável pela fiscalização de Bangu 8 disse que não há irregularidades no local.
ENCONTRO ÍNTIMO
Os encontros íntimos entre Cabral e a esposa, Adriana Ancelmo, já foram solicitados à direção do Complexo Penitenciário Gericinó, mas ainda não foram autorizados. O serviço social da unidade alegou pouco tempo para a autorização do benefício. (O Dia). Foto: Fabio Rodrigues Pozzobon/ABr (NM)
Share on Google Plus

About Valéria Reis

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário